Anedotas dos velhos impérios

Permitir que dezenas de pessoas sejam mortas por vagabundos armados com meras facas, simplesmente por proibir seus cidadãos de carregarem suas próprias armas de defesa, deveria ser considerado motivo de vergonha extrema para um país que já foi um Império mundial, no qual o sol nunca morria. A pátria deveria proteger seus filhos, não lançá-los como cordeiros ao matadouro. Na verdade, Inglaterra e França tornaram-se anedotas de si mesmas. Se antes, franceses e ingleses, podiam andar altivos, sabendo que faziam parte de nações que impunham respeito em todo o mundo, agora correm como gazelas, fugindo de qualquer moleque que grite “Allahu Akbar”.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this page

Comments

comments

Deixe uma resposta