Archives for Vida Intelectual

Últimos textos

Ler não é um prazer

É tão bonita a imagem, que tanto se vê pintada em quadros, da pessoa lendo um livro, sentada gostosamente em uma poltrona, geralmente ao lado de uma lareira, com aquele aspecto sereno, pacífico, em um instante de tranquilidade e descanso. Quem não costuma ler, ou lê apenas trivialidades, talvez acredite que essa descrição reflita a realidade. Mas quem realmente tem…
Continue lendo
Últimos textos

A aventura da escrita

Uma das coisas mais estimulantes ao se estudar escrita é que você nunca pára de tentar aprimorar sua técnica. Isso porque um texto nunca é uma obra finalizada. Sempre que o escritor se dispõe a mexer nele, ele estará disponível para ser melhorado. Até por isso dizem que o escritor nunca termina um texto, mas abandona-o. É que os textos…
Continue lendo
Últimos textos

Quantos livros devemos ler

Schopenhauer era um ardente crítico dos eruditos que liam por compulsão e não reservavam tempo para refletir sobre o que liam. Em seu livro 'A arte de escrever", ele se mostra convicto de que a leitura em demasia desacostuma o leitor da clareza e profundidade necessárias para a verdadeira compreensão daquilo que se lê. Haveria, então, um limite às leituras?…
Continue lendo
Vida Intelectual

A caridade e a vocação do escritor

"Nunca confunda a vocação de escritor com falta de caridade" - palavras da querida Mônica Camatti. A possibilidade de ferir sentimentos alheios nunca pode ser uma preocupação fundamental na atividade intelectual, pois é da natureza da crítica (e o trabalho intelectual é essencialmente crítico) tocar em feridas que doem. Por isso, o escritor que se autocensura demais, com a preocupação de…
Continue lendo
Vida Intelectual

Realização, sentido e inteligência

Existe frustração, mesmo em meio ao sucesso material, porque a verdadeira satisfação dificilmente reside nas conquistas em si mesmas, mas na convicção de que o que está sendo realizado realmente tem sentido. Quando somos jovens o sucesso material tem mais importância, pois serve como autenticador de nossa posição social, fornecendo aquela segurança que todo jovem procura. Conforme vamos ficando mais…
Continue lendo
Vida Intelectual

Pelo fim do monopólio universitário

É do conhecimento geral que as universidades brasileiras se tornaram um antro de agentes de ideologização. Frequentar uma faculdade pode ser uma experiência degradante para qualquer jovem. O fato é que o pouco que se aprende por lá não compensa o mal que afeta a cabeça dos alunos. Apesar disso, a universidade brasileira mantém sua força de influência social, mas…
Continue lendo

A consideração da intenção construtiva como método de estudo da História

Meu método, ao estudar história, consiste em considerar que os objetivos dos grandes personagens são, em sua maior parte, positivos. Como positivo, porém, eu não quero dizer que são bons ou que queiram o bem, mas sim que pretendem alcançar algo, e não apenas destruir. Aspiram algo melhor, ainda que este melhor exista apenas dentro de suas cabeças. (mais…)
Continue lendo