DEPENDENTES DO PASSADO

Há aqueles que menosprezam o passado, afirmando que, por exemplo, Aristóteles está ultrapassado, pois disse coisas que não se confirmaram.

No entanto, o que esses adoradores do seu próprio tempo não entendem é que, sem Aristóteles, mesmo com seus erros, as conquistas do presente seriam impossíveis.

A evolução é parte de uma sequência ininterrupta. Sem as conquistas dos pensadores antigos não se chegaria às possibilidades do estágio atual.

Nós apenas podemos pensar de forma mais complexa e sutil por que outros iniciaram os mesmos pensamentos de forma mais simples. Na verdade, o que somos depende inapelavelmente dos que nos antecederam.


Deixe uma resposta