Quem protege nossa mente

Para proteger-se das forças que buscam condicionar-nos não existe um antídoto específico, nem uma técnica infalível, nem um método ideal.

Só temos nossa própria razão como escudo. E digo isso porque sou uma pessoa antiquada, daquelas que ainda acredita que a razão continua sendo o nosso maior bem.

Sendo a razão o nosso componente superior, é ela quem deve estar a frente nessa guerra, atuando como o nosso comandante.

Há poderes que procuram mentes amortecidas para subjugar e depois adestrar como a cãezinhos dóceis. Assim, abdicar da razão é expor-se às investidas inimigas.

Por isso, nunca abra mão de sua inteligência, nem aceite facilmente qualquer sugestão. Pondere, reflita, pense, tome consciência. Estas são suas armas para vencer esse mal.


Deixe uma resposta